terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Inverno


The Growth - [...], Alessandra Fusi, Itália

«Vivi em constante Inverno,
sem uma ponta de Sol,
e em gélida escuridão
percorri ruelas de solidão.

Numa manhã ao acordar,
deparei-me com a Primavera,
e uma ponta de Sol rejuvenesceu o meu jardim,
que tinha sido queimado com a geada,
com a mesma intensidade, com que eu nunca fui amada.

No momento em que o Verão bateu-me à porta,
acabaram-se-me os desamores,
porque trouxera o brilho dos teus olhos azuis,
e o Sol que prometera bronzear todos os amores.

Mas a ilusão foi companheira do Outono,
e na minha vida surgiram sem demora
e sem ambiente calmo,
lágrimas escorreram pela minha face,
como folhas desavindas, ao caírem de uma árvore.»

As minhas quatro Estações, Carla Costeira

3 comentários:

MJ FALCÃO disse...

Por onde andam os seus tons de azul?
Sempre boas escolhas e belas imagens.
UM BOm Natal minha amiga

Teté disse...

Inverno?! Não apetece nadinha, mas lá terá de ser... :)

Adorei a imagem!

Beijocas!

tonsdeazul disse...

Os meus tons andam sempre em todas as estações, MJ Falcão. Muito embora o Outono toque mais cá dentro. :)
Obrigada e um Feliz Natal minha querida. Tudo de bom!


Pois não apetece, Teté. Por aqui tem chovido o dia todo desde ontem, com poucas paragens pelo meio... Mas pronto... Estamos no tempo dela. Não é? ;)
Também gostei muito destas ilustrações com as quatro estações. Não sei dizer qual delas a melhor... :)
Beijoquinhas

Pinturas populares (últimos 30 dias)